Aeromoça: Realidade x Ficção

Glamour:

pan-am
Sim, da aeronave pra fora, o glamour existe, todos os dias quando a gente anda no aeroporto com a tripulação indo ou saindo da aeronave, quando a gente entra na aeronave vazia e pensa: esse avião é todo meu hoje.
Quando a gente anda pela passarela e vê os quase 200 passageiros cada um com uma sensação olhando pra você no momento que o avião começa a andar.
Quando a tripulação entra na van indo pro hotel, durante os pernoites quando a gente toma café da manhã na beira da praia e se dá conta de como nosso trabalho é maravilhoso.
Mas na aeronave, com passageiro pedindo água, excesso de bagagem, passageiro com criança de colo na saída de emergência, voo atrasado, passageiro reclamando de calor ou de frio, não tem nada de glamour, quando o passageiro te trata como garçonete de avião( não desmerecendo o trabalho de garçonete) mas esse não é o nosso treinamento, somos agentes de segurança, e as vezes é difícil lembrar disso.
Mas quando você ta triste por algum motivo pessoal, ou alguma duvida do que você esta fazendo ali, uma criança para no aeroporto e olha pra você com aquele brilho nos olhos e diz: você é aeromoça? quero ser uma também quando crescer-  não ha tristeza que dure.

Anúncios